Arquivo da tag: viajar

Passagens mais baratas para o Rio de Janeiro em julho

Hoje em dia ninguém mais quer passar horas ou até mesmo dias dentro de um ônibus ou carro para viajar, deste modo a busca por passagens aéreas a preços mais baratos se tornou praticamente uma arte, uma vez que viajar de avião é mais em conta, pois a viagem é rápida e mais confortável que os meios tradicionais.

O encontro da água cristalina e azul do mar com as montanhas faz com que a Cidade Maravilhosa seja um dos destinos mais belos e procurados de todo o mundo. Essa grande procura faz com que as passagens para o Rio de Janeiro sejam geralmente mais caras que para outras cidades do território brasileiro.

Geralmente as companhias aéreas vendem essas passagens a preços mais altos e as menos procuradas a preços mais baixos, desta forma, um voo em um horário melhor custará mais caro que um voo que saia as quatro da madrugada.

O Rio de Janeiro continua lindo!

Rio de Janeiro.
(Foto: Reprodução)

Da mesma forma acontece com os dias, a maioria das pessoas quer viajar na sexta a noite e voltar no domingo a noite, certo? Por isso os preços de passagens nesses dias e horários são sempre mais caros. Esse conjunto de elementos permite que uma empresa venda passagens a R$ 29,00 e não venha a falência.

Percebemos então que conseguir passagens mais baratas é uma tarefa que exige dedicação, pesquisa e flexibilidade, pois quem tem maior disposição para fazer contas e comparações pode levar a melhor nessa empreitada. Confira a seguir algumas dicas essenciais para você que está pretendendo viajar em julho, que é alta temporada e ainda assim conseguir preços justos.

Voos noturnos

Se você está procurando economizar opte por voos que sejam durante o fim da noite e o início da madrugada, pois eles costumam ter preços menores e com tarifas mais acessíveis.

Voos no meio da semana

Em dias de meio de semana, mas principalmente entre terça e quarta os preços das passagens são os mais baratos que se pode encontrar em qualquer companhia aérea.

Antecedência

Comprar um bilhete aéreo com antecedência é uma boa dica para quem pretende economizar, como por exemplo, em até 30 dias antes o voo terá uma maior disponibilidade de assentos, o que normalmente faz com que os preços sejam mais baratos.

Permanecer mais tempo em seu destino

Estender o tempo de permanência no lugar para onde você viajou é uma ótima oportunidade para economizar, para isso é necessário comprar antecipadamente as passagens de ida e volta.

Rio de Janeiro e alta temporada para viajar pode não ser a melhor opção para quem pretende economizar, mas se você se programar e dedicar bastante nesta busca pode conseguir encontrar o que procura.

Indicamos que procure por empresas como:

  • Decolar.com
  • Submarino
  • Mundi

Boa sorte!

Tempo para entrega de passaporte

O passaporte é um documento indispensável na hora de viajar. O tempo de entrega não chega a ser demorado, mas o processo de emissão requer um pouquinho de paciência. Em primeiro lugar, deve-se fazer a união de todos os documentos responsáveis pela emissão do documento, depois dar início ao processo.

Dirija-se a uma delegacia de polícia (principal órgão emissor). Lembrando também que à efetuação do processo é necessário um agendamento, dia e hora marcada. É possível que somente para emissão demore cerca de 45 dias, além do tempo de espera para retirada do mesmo que geralmente está calculado em 5 à 15 dias.

Em casos de passaportes urgentes, é indispensável que haja a comprovação da urgência junto a delegacia. Essa é a única forma de acelerar o processo. O tempo também pode ser variado de acordo com a delegacia, estima-se que o melhor período para emissão é ao fim do mês das férias, já que a demanda é menor.

Tipos de passaportes.

Passaporte (Foto: Reprodução)

O procedimento é recomendado a ser feito cerca de 2 à 5 meses antes do embarque, isso por um motivo muito simples, vários países tem como base requisito a emissão do passaporte ou renovação do mesmo cerca de até 6 meses antes da viagem para validá-lo.

Há dois tipos de passaportes, o padrão ICAO (azul) e o padrão não-ICAO (verde). A especificação do mesmo também pode ser um fator determinante no tempo em que levará. Além disso, é indispensável que junto dele você esteja embarcando com um documento de identificação, como:

  • Cédula de identidade
  • Carteira funcional expedida por órgão público
  • Carteira de Identidade expedida por comando militar
  • Passaporte brasileiro anterior
  • Carteira Nacional de Habilitação expedida pelo DETRAN

No caso de menores de idade, a emissão do documento só pode ser feita mediante autorização dos pais. Somente um responsável poderá assinar dando a autoridade ao filho para requerer o documento. Para obter maiores informações consulte o site oficial da PF clicando aqui.

Siga até a opção “informações gerais e requerimento de passaporte” e esclareça suas principais dúvidas. Denotando novamente que o período de emissão pode ser variado de acordo com a cidade e a delegacia local. Também é interessante que procure o telefone de contato da Polícia Federal em sua cidade ou mais próxima.

Cachorro pode viajar de avião sozinho?

 

Cachorro pode viajar de avião sozinho?

O transporte aéreo de animais é algo que vem se popularizando cada dia. Hoje é natural que os cães curtam as férias junto com seus donos, sejam em viagens domésticas ou para o exterior. Mas é importante saber que eles possuem necessidades que devem ser atendidas sem hesitar. As companhais aéreas também possuem regras que devem ser respeitadas, bem como seus preços para fazer o transporte de animais domésticos como os cachorros e gatos.

Embora não seja um hábito muito comum, já vem sendo implantado meios para que seu cão possa viajar sozinho, sem acompanhamento de adulto. Hoje em dia é possível que ele faça esse trâmite, mas vale denotar que esse tipo de serviço é sempre muito caro. Não é possível, por exemplo, transportar um cão do estado do Rio Grande do Sul à São Paulo, sozinho, por menos de R$1500,00.

Para que seja possível encontrar um meio de fazer o serviço, será necessário que você contacte uma empresa aérea que se disponha a tal processo. Também é de extrema importância que todos os seus documentos estejam em dia, além de todos os apetrechos como focinheira no caso de animais mais ferozes. A caixa por onde será transportado também requer alguns cuidados básicos.

Eles podem sim viajar sozinhos.

Cachorro (Foto: Reprodução)

Uma nota importante é o ressalto de que a maior parte das companhias aéreas não fazem o transporte de animais que estejam classificados como braquicefálicas, ou seja, aquelas possuidoras de focinho curto. Isso devido ao risco maior de desenvolver problemas respiratórios durante o voo.

Para chegar ao destino, também serão indispensáveis documentos como:

  • Comprovante de vacinação contra raiva
  • Certificado de inspeção veterinária ou atestado de saúde
  • Certificado de aclimatação

Você precisará ver as taxas de embarque, taxas para transporte de animais sozinhos e demais especificações da companhia na qual seu cãozinho irá viajar. Dependendo do tamanho do seu cachorro e em caso dele ser filhote, é possível que esses preços sejam reduzidos.

Dicas

  • Não mande fêmeas em fase de gestação
  • Não mande animais muito novos ou muito idosos
  • Mande brinquedinhos na cabine

Procure no site oficial da companhia aérea no qual verá a melhor forma para fazer com que o seu cão viaje. Se possível, também vá a um escritório da mesma para garantir que tudo correrá bem. Feche o plano de viagem para seu animal diretamente na companhia. Também entre em contato direto com os mesmos ao fim da viagem e esteja lá para recebê-lo em sua chegada.

Ele passará tempo demais em um ambiente onde não encontrará nenhum rosto familiar, é importante que esteja presente na sua chegada já que precisará de afeto e aconchego. Esteja também com todos os seus documentos do veterinário em dia, bem como nome e demais informações.

 

Dicas e segredos indispensáveis antes de viajar

Dicas e segredos indispensáveis antes de viajar

Muita gente segue rumo a um destino em férias, mas esquece-se dos detalhes que fazem toda diferença na hora de estar “organizado” para se divertir. Parece estranho pensar que justamente as férias requerem cuidados “burocráticos”, mas essa é a verdade, “melhor prevenir do que remediar”.

É por isso que antes de sair de viagem, você precisa observar algumas coisas, organizar outras, orçar tudo e apostar de verdade no planejamento para obter um resultado satisfatório e uma viagem menos estressante. Daremos algumas dicas a seguir que podem lhe ajudar. Confira:

1° Orçamento – O primeiro passo é orçar tudo que será gasto na sua viagem. Procure saber a respeito do preço de hotéis, passagens, alimentação, extras, passeios e tudo que for gastar nesse período de tempo.

2° – Documentação – Tendo em vista que seu orçamento é plausível, basta iniciar o processo de organização dos documentos. Cada viagem possui uma espécie de documentação correta, sendo essa para o exterior ou dentro do país. Você precisará da sua documentação básica como:

  • CPF
  • RG
  • CNH (no caso de estar viajando de carro ou for alugar um carro)
  • Passaporte (para o exterior)
  • Visto do país (para o exterior)

E outros documentos exigidos pelo destino pretendido. Procure organizar tudo cerca de 1 mês antes do dia do seu embarque.

3° Procurar promoções – Para pagar menos, invista na pesquisa diária de promoções e até na compra de suas passagens aéreas com cerca de 60 dias de antecedência.

Viajar é conhecer a beleza das diferenças.

Viajar (Foto: Reprodução)

4° Pesquise sobre o destino – Não fique a mercê da orientação dos outros. Procure um guia da cidade ou pesquise MUITO sobre ela antes de viajar, afim de obter o máximo de informações. Impedindo que dessa forma seja enganado.

5° Converse com alguém que já foi ao destino – Se você não tem nenhum conhecido que tenha passado pelo lugar, procure através da internet sites que disponibilizam opiniões daqueles que já estiveram por lá. Dessa forma, você obterá informações que nenhum site lhe daria especificadamente. Caso tenha interesse, mantenha contato e faça perguntas a pessoa que conhecer através de um desses.

6° Faça reservas pelo telefone – Dessa forma você pagará menos, a não ser que pegue uma promoção fechando pacote para vários dias. Procure sempre o site oficial do hotel, fazer reserva por sites terceiros não é recomendado, pois o preço pode acabar ficando abusivo.

7° Clima local – Antes de arrumar a mala, procure saber qual é o clima local do seu destino. Isso impede que leve roupas indevidas ou mais do que necessário. Tente levar o mínimo possível, isso ajuda na locomoção caso precise trocar de hotel e evita ser roubado.

8° Evite comentar que é turista – Quando já estiver em seu destino, evite comentar que é turista. Não conhecendo o lugar, você fica mais vulnerável a problemas como assaltos, furtos, entre outros.

9° Seguro viagem – Faça um seguro viagem para garantir que nenhum problema ocorra e se ocorrer você será ressarcido. Isso permite uma viagem mais tranquila.

Não importante o destino para onde vai, é interessante que tenha a consciência de que precisará de informações sobre a viagem. Cuide dos mínimos detalhes e terá dias inesquecíveis. Quanto aos preços, poderá pedir descontos, reservar com antecedência e ler sobre o local.

Por fim, essas dicas podem lhe ajudar, mas somente no caso de seguir adequadamente as indicações. Sobretudo, tenha uma ótima viagem!

Viagem para Argentina precisa de passaporte?

Viagem para Argentina

Viajar para outro país é sempre uma experiência nova. Tem gente que faz com frequência, enquanto outros estão pegando o avião para o destino pela primeira vez. Na hora de viajar ao exterior, muitas dúvidas começam a rondar nossa cabeça, principalmente no que diz respeito a documentação.

É comum que muita gente fique apreensiva, sem saber o que realmente é verdade ou mito entre as informações lançadas ao vento da internet. Por isso, nós transmitiremos informações confiáveis a você que não sabe exatamente como proceder, quando a pergunta é:

Posso viajar à Argentina sem passaporte?

Não precisa de muita pesquisa para saber que a resposta é SIM. Você pode viajar, porém, não é muito recomendável. Um acordo feito a algum tempo, começado pelo Mercosul, tomou outros países (exceto Guianas). Ele denota que qualquer cidadão sul-americano tem o poder de viajar entre países como:

  • Argentina
  • Bolívia
  • Chile
  • Colômbia
  • Equador
  • Paraguai
  • Uruguai
  • Venezuela
É recomendável que retire o passaporte mesmo para viagens a países vizinhos.

Passaporte (Foto: Reprodução)

Apenas tendo em mãos a identidade, RG (lembrando que a carteira de motorista não pode ser substituir nesse caso). Embora isso pareça muito bom, é melhor ter cuidado. Essa facilidade é algo interessante, mas você pode ser pego e até “barrado” na hora de entrar na Argentina.

Inicialmente, o seu RG não pode estar velho. Nada de rasuras, fotos de quando era jovem e partes rasgadas. Se não estiver perfeitamente reconhecível na foto, acaba voltando para casa. Existe um mito que ronda o assunto, denotando que só são válidas as carteiras que forem emitidas a menos 10 anos.

Outro ponto que também pode lhe dar dor de cabeça é estar sob a “boa vontade” de outrem. Por exemplo, é possível que o guardinha da fronteira do país não lhe deixe passar, alegando que sua carteira está velha. Como se não bastasse, até a moça do check in tem esse poder de te “barrar”.

Alguns funcionários até pedem propina para liberar os que estão “meio fora” do padrão. É por isso que o mais recomendável é que você tenha o seu passaporte em mãos. Ele evita um monte de problemas e ainda te deixa mais seguro para seguir viagem, sem a interrupção de ninguém.

Lembrando sempre que os passaportes devem ser renovados sempre. De qualquer forma ele não substitui o RG, para se locomover no país, é importante que mantenha o RG sempre em mãos. Também poderá conferir as informações do Consulado da Argentina no Brasil, clicando aqui.